Outras Categorias

26 de dezembro de 2011

Vivendo para a Glória de Deus

Mais artigos de »
Escrito por: Keith A. Mathison

RECOMENDADO. Uma introdução extensa, abrangente e precisa ao calvinismo.

O ano de 2009 marca o 500º aniversário do nascimento de João Calvino. Várias editoras estão celebrando esse “Quincentenário de Calvino” lançando novos livros sobre a vida, obra e ensino de Calvino. Entre esses há um novo livro de Joel R. Beeke, intitulado Vivendo para a Glória de Deus: Uma Introdução à Fé Reformada. O Dr. Beeke é um alguém bem qualificado tanto para editar como para ser coautor de tal volume. Ele é o presidente do Puritan Reformed Theological Seminary e professor de teologia sistemática e homilética ali; além disso, o Dr. Beeke é o pastor da Heritage Netherlands Reformed Congregation, em Grand Rapids (Michigan). Ele já escreveu, foi coautor e editor de mais de cinquenta livros, além de mais de mil e quinhentos artigos para várias publicações, incluindo a Tabletalk.

Beeke explica a razão para este livro em sua Introdução:

Durante muitos anos, procurei um livro que incluísse a ênfase intelectual e espiritual do calvinismo, a maneira como ele influencia a igreja e o viver diário, bem como as suas implicações éticas e culturais. O livro que eu tinha em mente explicaria para o leitor moderno a natureza bíblica, teocrêntrica, profunda, cativante e prática do calvinismo e mostraria com clareza como o calvinismo procura satisfazer o propósito para o qual fomos criados, ou seja, viver para a glória de Deus. Se fizesse isso, o livro serviria para corrigir as muitas apresentações deformadas do calvinismo que existem nos Estados Unidos e outros lugares (p. 11).

Incapaz de encontrar um único volume que satisfizesse a exigência, o próprio Dr. Beeke escreveu um, com a ajuda de vários coautores.

Vivendo para a Glória de Deus está dividido em seis partes com um total de vinte e oito capítulos. Desses vinte e oito capítulos, Beeke contribuiu com dezoito. Os outros dez capítulos consistem de contribuições do Dr. Sinclair Ferguson, Dr. James M. Grier, Dr. Michael A.G. Haykin, Dr. Nelson D. Kloosterman, Rev. Ray B. Lanning, Dr. Robert W. Oliver, Ray Pennings, e Dr. Derek W.H. Thomas. Todos esses homens são autores talentosos, e os seus capítulos são consistentemente bem escritos.

A Parte Um é intitulada “Calvino na História” e contém dois capítulos. O primeiro esboça brevemente as origens históricas do calvinismo na Reforma Protestante e o distingue de outros ramos da Reforma. No segundo capítulo, Beeke fornece certa informação básica sobre algumas das confissões e catecismos reformados mais importantes, incluindo a Confissão Belga, os Símbolos de Westminster, o Catecismo de Heidelberg e os Cânones de Dort. Esses capítulos fornecem um contexto útil para as discussões no restante no livro.

Na Parte Dois, “Calvinismo na Mente”, Beeke introduz algumas das doutrinas distintivas do calvinismo. No capítulo três, ele discute o debate sobre a doutrina central ou cardinal do calvinismo, concluindo no final que se trata da doutrina da soberania de Deus. Nos capítulos quatro ao nove, Beeke introduz os leitores aos chamados Cinco Pontos do Calvinismo. Esses capítulos eliminam com presteza equívocos sobre essas doutrinas e mostram como elas estão fundamentadas no ensino da Bíblia. O capítulo dez fornece uma breve explicação dos cinco solas da Reforma: sola Scriptura (somente a Escritura), sola gratia (somente a graça), sola fide (somente a fé), solus Christus (somente Cristo) e soli Deo Gloria (a glória somente a Deus). A parte dois conclui com um capítulo do Dr. Grier explicando as visões filosóficas de Calvino.

A Parte Três é intitulada “Calvinismo no Coração”. No capítulo 12, Michael Haykin discute e explica a visão calvinista dos meios de graça. Beeke então, no capítulo 13, olha para as dimensões teológicas, eclesiásticas e práticas do entendimento de Calvino sobre a piedade. Nos últimos dois capítulos da Parte Três, ele olha para o entendimento puritano da santificação e como ele se desdobra na vida diária. Os seis capítulos na Parte Quatro, “Calvinismo na Igreja”, são devotados a uma explicação da política, adoração, pregação e evangelismo da igreja reformada. Eu recomendaria esses capítulos a todo pastor. Os capítulos 18 e 19 sobre pregação reformada são particularmente importantes em nossos dias.

“Calvinismo na Prática” é o assunto dos seis capítulos na Parte Cinco. Aqui os autores explicam a visão reformada de casamento, família, trabalho e Estado. Essa seção conclui com uma explicação útil da visão teocêntrica da ética esposada pelos calvinistas. O livro conclui com um capítulo de Sinclair Ferguson sobre o alvo do calvinismo, intitulado “Doxologia”. Quando um homem entende corretamente a teologia reformada, ele não pode fazer outra coisa senão dar toda glória e louvor ao nosso Deus trino.

Dados do livro:

Título: Vivendo para a Glória de Deus: Uma Introdução à Fé Reformada
Autor: Joel Beeke
414 páginas
Editora Fiel

 

Tradução: Felipe Sabino de Araújo Neto – setembro/2011



Sobre o Autor

Keith A. Mathison
Keith A. Mathison é editor associado da famosa revista teológica Tabletalk (fundada em 1977), em Orlando, Flórida, bem como um dos editores de The Reformation Study Bible. O Dr. Mathison é autor de vários livros, incluindo Postmillennialism: An Eschatology of Hope, The Shape of Sola Scriptura, Given for You: Reclaiming Calvin’s Doctrine of the Lord’s Supper e Dispensationalism: Rightly Dividing the People of God?.




 
 

 
marca_dagua_banners2

Política e púlpito: o que Deus requer?

Lançamento da Editora Monergismo.
por Felipe Sabino
 

 
 
marca_dagua_banners

Psychopannychia

Uma refutação do erro nutrido por algumas pessoas sem habilidade, que de forma ignorante imaginam que no intervalo entre a morte e o julgamento a alma dorme.
por João Calvino
 

 
 
marca_dagua_banners_a

O evangelho do Reino

Refutação do dispensacionalismo.
por Felipe Sabino
 

 

 
marca_dagua_banners_ch

Dispensacionalismo: uma crítica abreviada

O artigo “Dispensacionalismo: uma crítica abreviada” é uma versão abreviada do livro Dispensationalism Today, Yesterday, And Tomorrow de Grover Gunn e Curtis Crenshaw.
por Grover Gunn
 

 
 
marca_dagua_banners_la

A palavra não escrita

A poesia de Jorge F. Isah nasce carregada de enlevo hermético.
por Jorge Fernandes sah
 

 




0 Comments


Be the first to comment!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *