Outras Categorias

16 de fevereiro de 2012
 

O Pacto do Mayflower

Mais artigos de »
Escrito por: Isaías Lobão
Tags:

21 de novembro de 1620

Em nome de Deus, amém. Nós, cujos nomes vão transcritos avaixo, súditos leais de nosso augusto soberano e senhor, o Rei Jaime, pela graça de Deus, rei da Grã-Bretanha, França e Irlanda, defensor da fé, etc.

Tendo empreendido, para a glória de Deus e incremento da fé cristã, e em honra de nosso rei e do país, uma viagem a fim de fundar a primeira colônia nas regiões do Norte da Virgínia, tornamos presente solene e mutuamente na presença de Deus, a nossa intenção de tudo ajustar e combinar em boa união, irmanados numa corporação civil política, para nossa melhor organização e preservação e progresso dos fins já mencionados; e em virtude de que serão estipuladas, constituidas e fixadas leis justas e imparciais, estatutos, atos e funções, de tempos em tempos, assim como pensamos ser mais desejável e conveniente para o bem geral da Colônia, dentro do que prometemos toda a submissão e obediência. Em vista disso, nós, testemunhas do fato, subscrevems-nos em Cape Cod a 11 de novembro, no décimo oitavo ano do reinado de nosso soberano e senhor, Rei Jaime,, da Inglaterra, França e Irlanda, e no quinquagésimo quarto de reinado na Escócia. Anno Dom. 1620.

Assinam:

John Alden

Isaac Allerton

John Allerton

John Billington

Richard Bitteridge

William Bradford

William Brewster

Peter Brown

John Carver

James Chilton

Richard Clark

Francis Cooke

John Craxton

Edward Doten

Francis Eaton

Thomas English

Moses Fletcher

Edward Fuller

Samuel Fuller

Richard Gardiner

John Goodman

Stephen Hopkins

John Howland

Edward Leister

Edmund Margeson

Christopher Martin

William Mullins

Digery Priest

John Rigdale

Thomas Rogers

George Soule

Miles Standish

Edward Tilly

John Tilly

Thomas Tinker

John Turner

Richard Warren

William White

Thomas Williams

Edward Winslow

Gilbert Winslow

 

Tradução: Isaías Lobão



Sobre o Autor

Isaías Lobão
O Prof. Isaías Lobão Pereira Júnior possui graduação e licenciatura em História pela Universidade de Brasília(2003). Especialização Latu Sensu em Docência do Ensino Superior pela Faculdade Albert Einstein (FALBE). Bacharel em Teologia pela Faculdade Teológica Cristã Evangélica (2001) (curso livre), graduação em Teologia pela Faculdade de Ciências, Educação e Teologia do Norte do Brasil (2007). É membro e professor de EBD na Igreja Presbiteriana do Cruzeiro (Brasília).



 
 

 

Apontamentos da história da Assembleia de Westminster

A Assembleia de Teólogos de Westminster (1643-1649) foi um grande marco histórico e teológico que fechou um ciclo dourado de produção de documentos confessionais.
por Raneire Menezes
 

 
 

29 de janeiro: meu dia.

29 de janeiro sempre foi dia de festa em minha casa. Ao menos em meu coração. O dia continua impregnado em minha alma, embora com um sabor diferente desde 2006. Afinal, em 16 de julho de 2005 faleceu Francisco Sabino de Araú...
por Felipe Sabino
 

 
 

Jesus Cristo, o ungido do Senhor, reina para sempre

O salmo dois, exuberantemente messiânico e centrado no senhorio de Deus sobre todas as coisas, principia revelando aquela que é a essência do pecado, a rebelião do homem contra o criador; e a recusa do homem em se submeter ...
por José Mario Silva
 

 

 

A linguagem do amor

Um correspondente perguntou-me recentemente (em um tom um tanto acusatório) por que gasto tanto tempo escrevendo sobre as questões do movimento LGBT.
por Carl Trueman
 

 
 

A adoração a Baal

Eis o novo lançamento em kindle da Monergismo.
por Felipe Sabino
 

 
 

Bavinck em kindle.

O teólogo holandês Herman Bavinck (1854-1921) foi um dos maiores teólogos reformados dos últimos séculos. A Editora Monergismo acaba de lançar uma das suas mais importantes obras, ao lado da sua dogmática: A filosofia ...
por Felipe Sabino