Category

Casamento e Família

Casamento e FamíliaVida Cristã

Pais, seus filhos precisam de vocês por Voddie Baucham

Há uma história ubíqua em meio aos círculos ministeriais que atuam em prisões a qual demonstra o estado da paternidade em nossos dias. Certo ano, um grupo decidiu fornecer cartões de dia das mães para os prisioneiros. A resposta foi esmagadora: quase todos os internos apareceram para assinar e enviar os cartões para suas mães. O evento foi tão bem sucedido que o grupo resolveu repetir no dia dos pais. Quase ninguém participou. Qual a moral da história? Bem, depende para quem você perguntar. Independentemente, no coração da discrepância está a ausência paterna, seja por ausência dos pais na vida de seus filhos (um forte indicador de encarceramentos futuros e de uma série de outros problemas), seja porque a cultura está caindo no radical abismo do feminismo radical e da antimasculinidade. É uma faca de dois gumes: os pais que não são presentes e uma cultura que diz que eles não são precisos. Em meio a isso tudo, há homens – tanto jovens como velhos – que estão caminhando em direção à paternidade cercados por confusão e degradação, tentando descobrir o que é ser pai.  Paternidade expande sua esfera de influência Pais são incrivelmente influentes, tanto direta como indiretamente. As…
23 de agosto de 2019
ApologéticaCasamento e Família

Sexualidade bíblica, uma explicação simples por P. Andrew Sandlin

Vivemos num tempo de caos e apostasia sexual sem precedentes. A depravação sexual infectou o mundo desde a queda da humanidade, mas hoje nós testemunhamos não só o abandono completo de normas sexuais criacionais, mas também uma justificação teórica extensa desse abandono. O homem moderno deseja a sua depravação sexual e está disposto a inventar uma explicação sofisticada para ela e para como qualquer alternativa à depravação é retrógrada e anormal. Tragicamente, essa perversão de ideias não se limita à cultura pagã-secular, mas envenenou a igreja. Ser um cristão fiel na cultura contemporânea é estar ciente do ensino da Bíblia sobre a sexualidade e viver de acordo com ele. Dar as costas para a ética sexual bíblica é convidar uma vida de dor de cabeça e destruição. Na nossa situação presente, um resumo dos principais pontos do ensino bíblico sobre sexo seria uma contribuição bem-vinda. Dois sexos Primeiro, Deus criou os sexos: dois sexos, e somente dois, homem e mulher (Gn 1.27). Ambos foram criados à imagem de Deus. A mulher enquanto esposa foi modelada a partir do corpo do homem a fim de estar na maior proximidade possível a ele física, espiritual e emocionalmente, e de qualquer outra forma.…
13 de março de 2019
Casamento e FamíliaDiscipuladoÉticaVida Cristã

Não deixe o seu marido por ela: uma carta a uma adúltera em potencial por Rosaria Butterfield

Cara amiga, Eu agradeço por você ter confiado a mim o seu segredo. Do outro lado da mesa da cozinha nesta tarde, você abriu o seu coração. Quando você casou com o seu namorado do ensino médio com 19 anos, você nunca suspeitaria que chegaria aqui. Agora, com 39 anos, depois de 20 anos de casada, você se diz lésbica. Em lágrimas, você me diz que você “saiu do armário” e que você não olha para trás. Você não teve um caso. Ainda. Mas tem essa mulher que você encontrou na academia. Você malha com ela toda manhã e você envia mensagens para ela o dia todo. Ainda que você seja membro pactual de uma igreja fiel, esteja sob uma pregação sólida e tenha uma boa pose para mostrar às crianças, você tem desprezado o seu marido interiormente já faz um tempo. Ouvir ele ler a Bíblia te faz estremecer. Você não tem momentos íntimos com ele já faz um ano. Você me diz que não aguenta mais. É bom ser lésbica? Você me diz que deixar o seu marido por uma mulher não é um ato de infidelidade. Você me diz que é ser fiel a quem você realmente…
27 de fevereiro de 2019
Casamento e FamíliaVida Cristã

Sexo por Peter Leithart

Os cristãos entendem o sexo errado quando começam da ponta errada. Começamos com os desejos, paixões, impulsos biológicos e “necessidades” humanas. Eles são tratados como dados, como a realidade natural que é a condição de base da sexualidade humana. Então chegamos na Bíblia e encontramos, para a nossa surpresa, que Deus coloca todo tipo de restrição sobre como podemos expressar e canalizar essas necessidades e desejos. A lei inclui mais “nãos” em relação ao sexo do que a qualquer outra atividade humana. Os “nãos” são tão variados quanto as expressões de sexualidade humana: não adulterarás, não te deitarás com a esposa do teu pai ou a esposa do teu tipo ou a tua nora ou a tua irmã, não te deitarás com um homem como se fosse uma mulher, não se aproxime de um animal para acasalar com ele. Quando não tem nãos estritos, há consequências drásticas por passar dos limites: durma com uma virgem e logo você vai se ver negociando com o pai dela sobre um dote (Êxodo 22.16-17). E então Jesus coloca a cereja do bolo: “Eu, porém, vos digo: qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, no coração, já adulterou com ela”. Ah não!…
7 de dezembro de 2018
Casamento e Família

Será que realmente corremos o risco de idolatrar a família? por Kevin DeYoung

“Uma das idolatrias aceitáveis dentre cristãos evangélicos é a idolatria da família” Eu tweetei isso semana passada. Para ser honesto, eu não pensei muito sobre isso. Eu disse coisas semelhantes em sermões pela última década e eu já tuitei coisas semelhantes antes. Mas dessa vez, como me foi dito por amigos que seguem o Twitter mais de perto do que eu, essa afirmação assumiu vida própria à medida que essa frase foi curtida 1.600 vezes e rodou as redes sociais pelos próximos dias. Sem eu saber, eu estava (dependendo de quem estiver opinando) subitamente falando algo maravilhosamente corajoso ou terrivelmente mal direcionado. Deixe-me esclarecer as coisas. Até onde eu sei, eu falei essa frase pela primeira vez (ou algo parecido) em um sermão de 2010 em Marcos 3.31-35 intitulado a Real Família de Jesus. O próprio tweet vem de um sermão mais recente sobre o milagre em Caná da Galileia. O meu ponto em ambos os casos foi que um compromisso com a família não pode vir antes de um compromisso com Deus. Eu comecei o sermão de Marcos 3 observando duas noções opostas da família na nossa cultura: a família como uma camisa-de-força (como no filme de 1998, Pleasantville…
5 de dezembro de 2018
Casamento e Família

Pais, Lembrem-se do Futuro por Voddie Baucham Jr.

Um lembrete para os pais Como pais, é importar observar que o evangelho é escatológico, é a nossa esperança não só nesta era, mas também na era porvir. Primeiro, a natureza escatológica do evangelho significa que não vemos as nossas famílias como fins em si mesmos. Pastores de famílias não são homens trabalhando para moldar famílias perfeitas que irão satisfazer todas as suas necessidades terrenas. Pelo contrário, sabemos que somente Cristo pode satisfazer as nossas necessidades últimas e que ele o fará plenamente somente no fim desta era presente. Nós também sabemos que os nossos laços familiares são temporais e são os nossos laços com o corpo de Cristo que importam eternamente. Logo, o nosso maior desejo é liderar as nossas famílias até os pés de Cristo, e não aos nossos. Não podemos esperar das nossas esposas e filhos o que só será suprido na era porvir. Segundo, a natureza escatológica do evangelho significa que não colocamos as nossas esposas e filhos sob padrões irrazoáveis. Todos somos criaturas caídas. A perfeição é uma esperança que mantemos para a era porvir. Enquanto isso, gozamos da santificação progressiva enquanto louvamos a Deus por nos fazer mais parecidos com Cristo dia a dia.…
20 de junho de 2018
Casamento e Família

Como Amar sua Esposa como Cristo Amou a Igreja por Tim Challies

Como marido cristão, você não é levado a ficar imaginando ou especulando sobre o que significa desempenhar seu papel de uma maneira que agrade a Deus e abençoe sua esposa. Ao contrário, a Bíblia fornece orientação clara: você deve amar sua esposa como Cristo ama sua igreja. Nos versos finais de Efésios 5, Paulo descreve como, por amor, Cristo se sacrificou para fazer por você o que você não poderia fazer por si mesmo. Por amor Ele te santificou para os propósitos dEle, separou você para que pudesse viver a vida que Ele criou para você viver. Por amor, purificou você, para que Ele pudesse deixar de lado o pecado que lhe prejudica e, em vez disso, lhe dar a Sua justiça. Ele fez isso pela palavra do evangelho e, através dela, tem um propósito grande e final em mente. É assim que Cristo amou a igreja, então é assim que um marido deve amar sua esposa. Deixe-me provocar isso sob esses títulos. Ame Sua Esposa com um Amor Sacrificial Marido, ame sua esposa com um amor sacrificial. Acho que todo marido está disposto a fazer o sacrifício final por sua esposa. Não e? Se alguém estivesse mantendo você e…
29 de maio de 2018
Casamento e Família

Maternidade: Um Chamado às Armas por Rachel Jankovic

Quando outro Dia das Mães chega, nos encontramos flutuando em um mar de palavras sentimentais, amorosas e doces sobre as coisas que as mães fazem por nós. É bom reconhecer, apreciar e honrar tudo isso, mas não é o que quero fazer hoje. Eu quero deixar de lado o sentimento e olhar para a posição inacreditavelmente poderosa para a qual Deus chamou suas mulheres. "A maternidade dificilmente é irrelevante para a feminilidade." Sim, eu disse intencionalmente “suas mulheres” e não apenas aquelas mulheres que são mães. A mulher nesse sentido é a mesma coisa que  mãe. Se você é uma mulher em Cristo e obediente a ele, você é tanto uma parte desse poder feminino típico quanto aquelas que geraram filhos. Certa vez, conversei com uma sala cheia de barrigas grávidas, bebês amamentando e crianças gordas. Você quase sempre vê esse tipo de poder diluído em uma multidão, mas não nesta sala. Olhando de perto e junto foi de tirar o fôlego. Lembrei-me desta gloriosa passagem em Cantares de Salomão, onde o marido diz de sua noiva: “Que é essa que desponta nas alturas como a luz do alvorecer, linda como a lua, brilhante como o sol, magnífica como um exército desfilando com suas bandeiras?” (Cantares 6:10, Bíblia…
12 de maio de 2018
Casamento e Família

Beleza imperecível

Há algum tempo um leitor deste site perguntou se eu poderia responder a uma preocupação de sua vida. Ele estava cortejando uma moça e começando a pensar em casamento, mas de repente descobriu que não se sentia mais atraído por ela. Era uma jovem piedosa e o tipo de mulher com a qual ele se via casando. Mas então ele olhou para ela, e viu que a atração física tinha simplesmente desaparecido. O que ele poderia fazer? O que deu errado?
20 de julho de 2015