Category

Os Puritanos

História da IgrejaOs Puritanos

O Pacto do Mayflower

21 de novembro de 1620 Em nome de Deus, amém. Nós, cujos nomes vão transcritos avaixo, súditos leais de nosso augusto soberano e senhor, o Rei Jaime, pela graça de Deus, rei da Grã-Bretanha, França e Irlanda, defensor da fé, etc. Tendo empreendido, para a glória de Deus e incremento da fé cristã, e em honra de nosso rei e do país, uma viagem a fim de fundar a primeira colônia nas regiões do Norte da Virgínia, tornamos presente solene e mutuamente na presença de Deus, a nossa intenção de tudo ajustar e combinar em boa união, irmanados numa corporação civil política, para nossa melhor organização e preservação e progresso dos fins já mencionados; e em virtude de que serão estipuladas, constituidas e fixadas leis justas e imparciais, estatutos, atos e funções, de tempos em tempos, assim como pensamos ser mais desejável e conveniente para o bem geral da Colônia, dentro do que prometemos toda a submissão e obediência. Em vista disso, nós, testemunhas do fato, subscrevems-nos em Cape Cod a 11 de novembro, no décimo oitavo ano do reinado de nosso soberano e senhor, Rei Jaime,, da Inglaterra, França e Irlanda, e no quinquagésimo quarto de reinado na Escócia.…
16 de fevereiro de 2012
História da IgrejaOs Puritanos

Origem da Confissão e Catecismos de Westminster

A maioria das confissões das igrejas reformadas e luteranas foi composta por autores individuais, ou por um pequeno grupo de teólogos a quem coube a tarefa de delinear um padrão de doutrina. E assim, Lutero e Melancthon foram os principais autores da Confissão Augsburg, o padrão de fé e laço comum de união das igrejas luteranas. A Segunda Confissão Helvética foi composta por Bullinger, a quem a obra foi confiada por um grupo de teólogos suíços; e o celebrado Catecismo Heidelberg foi composto por Ursino e Oleviano, os quais foram designados para isso por Frederico III, Príncipe Coroado do Palatinado. A Antiga Confissão Escocesa, que foi o padrão da Igreja Presbiteriana da Escócia por quase um século antes da adoção da Confissão Westminster, foi composta por um comitê de seis teólogos, sob cuja liderança estava John Knox, designado pelo Parlamento Escocês. Os Trinta e Nove Artigos da Igreja da Inglaterra e da Igreja Episcopal da América foram preparados pelos bispos daquela Igreja em 1562, como resultado da revisão de “Os Quarenta e Dois Artigos de Eduardo VI”, os quais foram delineados pelo Arcebispo Crammer e o Bispo Ridley, em 1551. Os Cânones do Sínodo de Dort, de grande autoridade entre…
19 de janeiro de 2012
História da IgrejaOs Puritanos

Os Puritanos: 1600-1699

Richard Baxter, John Owen, Blaise Pascal, John Bunyan, e A Assembléia de Westminster   1603 Armínio defende que a predestinação é baseada no presciência. 1603 Tiago I torna-se Rei. 1604 Os puritanos encontram Tiago I em Hampton Court. Suas esperanças são frustradas. 1609 Morre Tiago Armínio. 1610 Nasce Irmão Lourenço. 1610 Os Arminianos publicam o Remonstrance (Protesto), contendo 5 artigos. 1611 Publicada a Versão King James, a tradução inglesa mais influente da Bíblia. 1615 Nasce o puritano Richard Baxter, autor de The Reformed Pastor. Publicado no Brasil com o título O Pastor Aprovado, pois Baxter utilizou o termo reformed (reformado) no sentido de um pastor renovado em suas práticas. 1616 Nasce o puritano John Owen, chamado o Calvino da Inglaterra. 1618 Publicado O Livro dos Esportes. Ele contradiz a visão puritana sobre o Dia do Senhor, mas os puritanos são forçados a lê-lo. 1618-1619 O Sínodo de Dort é convocado na Holanda para responder aos arminianos. A resposta forma os 5 pontos do Calvinismo. 1620 Os puritanos fundam a colônia de Plymouth, Massachusetts. 1623 Nasce Blaise Pascal. 1623 Nasce Francis Turretin. 1625 Carlos I torna-se Rei. Ele também é contra os puritanos. 1628 William Laud torna-se Bispo de Londres e intensifica…
14 de janeiro de 2012